segunda-feira, 20 de janeiro de 2014

2014....ano internacional de caça à Capivara! IRT da Hebraica -IRT Cidade de Batatais....adeus poeta Guelman; famigerada taxa CBX; poeta-enxadrista Washington de Assis....Lagoas à Vista: Sumaré; Curitiba; Poços de Caldas; S.Bento do Sul...e lá vem Caxias do Sul- Terra da Uva com Carlsen!



"IRT DA HEBRAICA - IRT CIDADE DE BATATAIS!"









Ao saudoso poeta
Juan Guelman!







Bem-vindo campeão!





“...sucede que / de día / de noche / soy
el castigado por tu ausencia / vos linda como un sol /
y tenés piececitos como dulce esperanza
que andan por mi saliva como
tus ojos / soñándome / olvidándome /
sangrándome de adiós / ...”
(Juan Guelman)




“2014....Ano Internacional de Caça à Capivara!”

Começamos bem, afamada, viajada e desvairada Turba Capivaril: o ano nem bem começou (tem gente que diz que ele só começa depois do carnaval...) e já tivemos dois belos “IRTs” em São Paulo,  “Hebraica” e “Batatais”...quem diria, tão diferentes, tão distantes, mas unidas pela “pasión de ajedrez!”.

Para contra-restar o desgosto de pagar a cara, inócua e malfadada “taxa CBX” logo no início do ano, verifica-se a programação de diversos eventos, brasilsão à fora!
Sobre a famigerada “taxa CBX”, não há explicação sobre o porquê deste montante e sua efetiva destinação (mas saber a gente sabe....!) – voltaremos ao assunto, com certeza!

Rodoviária Tietê & CBX.....carinho, carinho...!

Vamos tratar do que efetivamente interessa aos verdadeiros caissanos: “madeira pra frente!”

A pomposa sede da Hebraica paulistana, nos Jardins, surpreendeu 2014 com um belo e muito bem organizado “IRT Hebraica”, sob comando do tricolor André Salama e equipe, destacando-se o árbitro-professor  Grego, e sua simpatia de sempre – parabéns!




Mesmo na época de férias, quando o paulistano deixa a cidade, quase  uma centena de animados Caissanos, a afamada “Turba Capivaril”, compareceram para prestigiar a prova e viram ele, o Colosso de Osasco, Renatinho Quintiliano, levantar o caneco de campeão – parabéns!



Renatinho, curiosamente, carrega nos últimos torneios em que tem brilhado, o livro "Os Últimos Mafiosos” e inspirado, parece querer impor a “Famiglia Quintiliano” no auge dos torneios: talento e simpatia não falta ao “capo Quintiliano!”...









O “Pódium” da Hebraica espelha a boa safra de talentos, que deverão animar os torneios 2014 – o ano promete e há torneios para todos os gostos e todos os bolsos, claro...




E neste último fim de semana, a tradicional cidade de Batatais, de tantas tradições caissanas,  uma verdadeira “Capital do Xadrez Paulista”, foi palco mais uma vez de um belo “IRT Batatais”.





"....la técnica del ajedrez, a apesar de parecer en numerosas ocasiones fría ejecución, no está despojada de espíritu, sino porque de cuando en cuando aparece ante nuestra vista una nueva idea que generalmente se combina en forma diferente con la fase posterior."

..."Si bien la técnica pura es siempre una cuestión de laboratorio, una cuestión resuelta, se hace imprescindible admitir que ella possue su alma. De que manera, sino, puede justificarse que en juego ganado, donde "el resto es cuestión de técnica", el cerebro no pueda decaer en su trabajo creador y deba continuar apartando las malezas que dificultan el terminado de la partida? Es que en la técnica de la partida ganada, el maestro expone su capacidad de trazos seguros que es la garantia de su arte".
("El Arte del Ajedrez", Luciano H.Cámara)










"Alza tus brazos, ellos encierran a la noche, 
desátala sobre mi sed,

tambor, tambor, mi fuego.
Que la noche nos cubra con una campana

que suene suavemente a cada golpe del amor.
Entiérrame la sombra, lávame con ceniza, cávame del dolor,

límpiame el aire:
yo quiero amarte libre.

Tú destruyes el mundo para que esto suceda
tú comienzas el mundo para que esto suceda."
(Juan Gelman)




Mamãe coruja!

"Feras & Belas!"






Parabéns professor Paulo Henrique de Faria e equipe do “Clube de Xadrez de Batatais”,  pela hospitalidade, pela Festa! E merece grande destaque, efusivos aplausos, o saboroso cafezinho da professora Ana Regina, que rodada a rodada, fazia a delícia da animada Capivarada!

Não morra, privilegiado Capivara,  sem jogar em Batatais e saborear o cafezinho da professora Ana Regina, não morra! 

O nº 1 honrou a responsabilidade, simpático professor Sérgio Silva levou o caneco com competência -parabéns!


Figuraça, professor e Campeão!






LAGOAS À VISTA....

ao bom Capivara, ótima Lagoa!




"CIRCUITO SOLIDÁRIO DE XADREZ

SUMARÉ-SP"

26/01 domingo






 "IRT 76º Aniversário do C.X. Curitiba" 

31/01 - 02/02



"Essa Mulher"

"Quando ama se esquece de si mesma,
Desfigura-se, sacrifica-se,
Incondicionalmente.

Quem poderá deter esse amor?
Ela não quer ouvir,
Odiaria quem ousasse dizê-lo.

Essa amor dilacera sua carne,
Flagela sua alma, desespera,
Desampara.

Certas palavras não são nada,
Mas nada mais lhe resta.

Ela ama esse amor.
Ela ama amar esse amor.

Nele
Vive
Morre
Renasce, revive, remorre.
Enquanto lhe restar um vestígio de
sangue,
Mesmo sem nenhuma dignidade,
Amará amar o seu amor.

Quem poderá deter esse amor?

Ela não quer ouvir
Além das batidas de seu coração,
Ela não quer esquecer,
Não quer mais que amar o seu amor,

Quem poderá deter esse amor?
Quem?
Esse amor?

(Washington de Assis)






Professor Francemir, o "Herege do Xadrez"...até o Totó apareceu!




Se me perder, buscar-me nos torneios ou nos meus devaneios....


Joca, S.S.Paraiso 20.01.2014



"La vida no quiere adeptos, quiere amantes!"



(Federico Garcia Lorca)





quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

"I Open de Fóz do Iguaçu...Festa Caissana com GM Cubitas campeón! Vice Willian furacão Cruz; adeus Catropa e O´toole!; Tim Maia, Antonio Gude; Andrew Palson, Mário Quintana; Lagoas à Vista: Batatais; Conciência do Xadrez; Popular da Cidade Maravilhosa; IRT da Hebraica 2014!...e lá vem Nova Petrópolis!




" I OPEN DE FÓZ DO IGUAÇU"





Aos saudosos,

Djalma Catropa,
Peter O´toole.



"...Eu preciso respirar
O mesmo ar que te rodeia
E na pele quero ter
O mesmo sol
Que te bronzeia
Eu preciso te tocar
E outra vez
Te ver sorrindo
Te encontrar num sonho lindo..."
(Tim Maia)




Amados, o exuberante don Leontxo Garcia, o mais entusiasmado repórter-cronista de xadrez, ao cobrir o recente mundial “Anand-Carlsen”, tocou no importante tema da “divulgação-promoção” do xadrez pelos grande jogadores, pelos campeões mundiais, inclusive.

Há uma responsabilidade implícita que a glória e o sucesso cobram das “estrelas”, seja em qualquer atividade esportiva e social.

Leontxo criticou o ex-campeão mundial Anand, que pouco fez enquanto ostentou o cetro mundial. Com exceção de sua enigmática Índia, onde o xadrez disparou em popularidade pelo sucesso de seu ídolo, a nível mundial, Anand foi uma espécie de “picolé de chuchu”, sem graça, sem gosto...

O xadrez, como o tênis, a Fórmula 1....precisam de figuras, de ídolos como Fischer, Kasparov, Senna...apenas para citar as “lendas”!

Se a nível mundial o cenário parece encorajador com a força e carisma do “Canibal do Gelo” grande Carlsen, a nível Tupiniquin a coisa ta preta...

A lenda viva Mequinho fez o grande povão amante do futebol saber que existia o xadrez. Verdade que não pelos seus esforços, mas pelo carisma de sua genialidade.
Mas hoje, o que fazem nossos principais jogadores para popularizar o xadrez?
Não teriam eles que “aparecer mais” para a mídia e conseqüentemente mostrar mais o xadrez?

Com a solitária excessão do fabuloso GM Leitão, que escreve apostilas fantásticas e até vídeos-aula que já são clássicos, nossos GMs descansam seu talento “em berço explêndido”...

Os torneios estão cada vez mais desprestigiados; nossos dirigentes cada vez mais parecidos com a horrenda e famigerada classe política de “espertinhos” e se nada for feito, como bem lembrou o impressionante empreendedor-visionário Andrew Paulson, o xadrez cada vez mais se equipara às palavras cruzadas, Sodoku...jogo da velha!



GMs e Capivaras de todos os quadrantes, uni-vos!

Mas nem tudo são trevas....
Verdadeiros “Caissanos” com letra maiúscula. Dedica todo seu entusiasmo e promovem verdadeiras “festas”, onde o xadrez e a amizade são celebrados à altura!

“I Open de Fóz do Iguaçu”....

Festa grandiosa!












Que grande privilégio ter estado naquela região mágica da “Triplice Fronteira” onde as tradições de Brasil, Paraguay e Argentina se mesclam numa região privilegiada pela natureza exuberante!
















Conhecido por seus pares como o “Expresso de Asunción”; “O Ogro de Asunción”; GM José Cubas, verdadeiro embaixador do querido Paraguay, o torcedor do Cerro Porteño passeou sua classe no torneio!


Cubitinhas y Cubitas!



Parabéns Cubitas, que seja um grande presságio de grandes êxitos em 2014!
Muitos foram os destaques na prova, mas salta à vista o Vice-campeonato do talentoso jovem William Cruz, fervoroso “furacão atleticano”- a grata e surpreendente surpresa do torneio – parabéns!



Willian Cruz, o furacão de S.José dos Pinhais!

Festa de Fóz do Iguaçu e um grande responsável, um “maestro” que regeu uma atenciosa e competente equipe, professor Pedro Caetano, que nos mínimos detalhes, das toalhinhas nas mesas ao transporte da Capivarada, primou pela eficiência e simpatia ; um Caissano com letra maiúscula!




Que ninguém nos ouça e nem preciso pedir segredo, mas professor Pedro é uma das raríssimas exceções à regra (apócrifa) da FIDE: todo árbitro é chato...hehehe!






E no apagar das luzes Caissa, gloriosa e inclemente, leva mais um Caissano à caixa da eternidade...

Adeus caro Djalma Catrópa! 







LAGOAS À VISTA...
Ao bom Capivara, ótima Lagoa!


“III - Aberto de Batatais - SP”

20 a 22 de dezembro






“Campeonato Popular do Rio de Janeiro”

20 a 22 de dezembro




“I-IRT da Conciência do Xadrez-SP"

20 a 22 de dezembro






”XVII- IRT da Hebraica-SP” 

09 a 12 de janeiro







"Aberto do Brasil Nova Petrópolis -RS"
Blitz e Rápido

18 a 19 janeiro




 "...Qual es el secreto del ajedrez?
Cuál es la misteriosa clave que, como por arte de magia, permite realiza la mejor jugada, es decir, llevar la pieza justa a la casilla precisa, en el momento oportuno?
Para jugar una partida de ajedrez sólo disponemos de nuestras capacidades mentales (inteligencia, imaginación, capacidad de cálculo, capacidad analítica) y de los conocimientos técnicos adquiridos. Dicen que interviene también un misterioso elemento, llamado intuición, que tal vez sea la resultante de todo lo anterior..."
("Escuela de Ajedrez 2", Antonio Gude)

Xadrez Y amigos....

Capivara sofre, sofre mas se diverte!









"Restaurant Gouranga", Ciudad del Este, Paraguay...ajedrez y amigos y comidinhas....



"Se tu me amas,ama-me baixinho...
Não o grites de cima dos telhados
Deixa em paz os passarinhos
Deixa em paz a mim!
Se me queres, 
enfim
tem que ser bem devagarinho, Amada, 
que a vida é breve, 
e o amor mais ainda..."
(Mário Quintana)


Se me perder, buscar-me nos torneios ou nos meus devaneios...


Joca,
Sampa, 18.12.2013




"La vida no quiere adeptos,
quiere amantes!"

(Federico G. Llorca)